Sistema Famato
SENAR
IMEA
       
Fale Conosco
 
Projeto Rentabilidade no meio Rural em MT
Fique informado com o Famato em Campo
Conexão Agruhub - Editais para Startups e Empresas
   
 
 
01 de Nov de 2017

voltar
 
DESAFIOS DO AGRO
Tecnologia e inovação no agro serão discutidas no evento do Prêmio Sistema Famato
Ascom Famato
 

O painel “Os desafios do Agro: a solução mora no produtor” é um dos destaques na programação da 3ª edição do Prêmio Sistema Famato em Campo, no dia 9 de novembro, a partir das 13h30, no auditório da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato). Três nomes de sucesso no mundo digital Agtech farão parte do painel, são eles: os empreendedores digitais Agtech Maikon Schiessl, diretor de Agtech na Associação Brasileira de Startups, e Alex Miranda, da Tecnologia e Inovação (TAG) de Sorriso, e o produtor rural e empreendedor digital em Educação Agro Adolfo Petry. As pessoas interessadas em participar do evento devem confirmar presença pelo e-mail: eventos@famato.org.br ou pelo telefone: (65) 3928-4421. A participação é gratuita e as vagas são limitadas.

O Sistema Famato estende o convite a todos os produtores rurais, comunidades empreendedoras, outros ecossistemas de Agtech do país, empresas, investidores e pessoas interessadas para conhecerem as últimas novidades em pesquisas tecnológicas aplicadas com real impacto no agronegócio.   

O objetivo do painel no evento é mostrar o avanço das transformações tecnológicas no campo. Além de conhecerem as fazendas vencedoras e referência em inovação no Estado, os participantes irão entender como as startups colocam em prática ideias inovadoras, traduzidas em eficiência, qualidade de produtos e responsabilidade com o meio ambiente – o que vem sendo destacado pelo projeto AgriHub.

Com o tema “Os desafios de empreender no agro”, Maikon Schiessl disse que vai trazer os desafios da criação de soluções tecnológicas para o agro, da conectividade no campo e o desafio de uma empresa ou startup nascente. “O processo de uma startup nascente funciona da seguinte maneira: criada a solução é preciso dedicar um tempo testando-a. No caso da agricultura, por conta da sazonalidade, é preciso acompanhar uma safra que dura cerca de seis meses e muitas das empresas nascentes não têm recurso para se manter até conseguir validar a solução. Então, vamos pincelar esse desafio e tentar mostrar que o ecossistema ou instituições, neste caso o Sistema Famato, podem ajudar essas startups nascentes a aguentarem esse período até que a solução seja validada”, explicou Schiessl.

Schiessl vai abordar também problemas que dificultam o empreendedor para empreender no campo e como superá-los. “O desafio de empreender no campo como, por exemplo, a distância no caso de o empreendedor morar na cidade e não ter muito contato com o agricultor pode ser encarado como um problema. Além do problema, vamos debater as soluções”, contou.

Para Schiessl, a iniciativa do Sistema Famato de inserir a “inovação tecnológica” na programação da 3ª Edição do Prêmio Sistema Famato em Campo é incrível. “O Sistema Famato está no cainho certo e outras instituições públicas e privadas deveriam seguir o exemplo e começar a trazer esse tema para ser abordado com mais profundidade. O que é mais legal e a Famato está entendendo é que o produtor conhece algumas tecnologias, mas ainda não sabe qual usar, como usar e em qual momento da sua safra ele deve usar cada solução. Esses temas abordados são importantes para educar e estabilizar o produtor sobre as novas tendências tecnológicas”, destacou.

Adolfo Petry é um exemplo de que a solução mora no produtor. Durante o painel, o produtor vai mostrar que é possível empreender, ter retorno financeiro e ainda fortalecer a classe produtora.

Petry contou que já teve, assim como outros produtores, embates com alguns bancos por causa da falta de conhecimento dos agentes financeiros. “A classe produtora sempre foi mal compreendida pelos gerentes das agências, dificultando as transações bancárias. E nisso enxerguei uma oportunidade de empreender. Nesse cenário vi a necessidade de criar uma Escola Agro com foco na capacitação dos agentes financeiros, para que eles entendam a rotina e as necessidades dos produtores, com o objetivo que eles sejam melhor atendidos e que consigam ter o financiamento no prazo necessário, já que temos dia para plantar e dia para colher”, explicou Petry.

Há quatro meses no ar, a plataforma online da Escola Agro teve cerca de 19 mil acessos e 700 alunos inscritos no primeiro módulo do curso. “A mensagem que eu deixo para os produtores rurais é que eles também podem empreender e buscar soluções. Basta ter iniciativa, coragem e competência”, disse.

Novidade – O diferencial da programação do evento de premiação deste ano é a participação da rede de inovação AgriHub que surgiu da necessidade de conectar produtores rurais às tecnologias desenvolvidas para o agronegócio. A rede foi pensada pelo Instituto Mato-grossense de economia Agropecuária (Imea) em parceria com a Famato e o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar-MT).

Prêmio Sistema Famato em Campo – O Sistema Famato vai premiar as melhores ideias que existem no agro mato-grossense. Essa é a 3ª edição, este ano com o tema inovação. O prêmio é uma iniciativa da Famato, Senar-MT e Imea.


Programação   

 

13h30 – Abertura
13h45 – Participação especial do Prof. Jay Angerer da Texas A&M University (EUA)
14h15 – Painel “Os desafios do Agro: a solução mora no produtor”
15h – Coffee break
15h30 – Apresentação dos 7 finalistas do Prêmio Sistema Famato em Campo 2017
18h – Premiação
18h30 – Encerramento 


Ascom Famato
 



Fonte: Ascom Famato
 

VEJA TAMBÉM
Presidente do BNDES fala de empreendedorismo em Mato Grosso
Sistema Famato apresenta aos chineses as potencialidades do agronegócio de Mato Grosso
Imea divulga mais um resultado do projeto Rentabilidade no Meio Rural
Conexão AgriHub está na programação da expedição Soja Brasil
 
Eventos

nenhum evento com foto
 
Cenarium Rural
 
Galeria Multimídia
Videos
Fotos
A produção de etanol a partir do milho
MT tem potencial e visibilidade economica
TV Band - Imea divulga estudo
 
 
       
   FWS   
 
   webmail   
 
e-Famato   
 
(65) 3928-4400
famato@famato.org.br
 
Rua Eng. Edgard Prado Arze, s/n
Centro Politico Administrativo
CEP 78.049.908 - Cuiabá-MT